LOGIN DE MEMBROS

Fundo
 
Facebook
Instagram
YouTube
MEO Kanal
Twitter
PRÓXIMAS ACTUAÇÕES
Não há actuações brevemente
SEGUE-NOS NO FACEBOOK
CD PARA LÁ DOS PALCOS
Para lá dos palcos
NEWSLETTER TEUP
Para subscrever a nossa newsletter por favor introduza o seu e-mail:
NOTÍCIA
Gravação do CD da tuna: 'Os Finalmentes'
5 Dezembro 2005

Neste fim-de-semana de 2, 3 e 4 de Dezembro concluiu-se a terceira e última fase de gravações do CD da Tuna de Engenharia da Universidade do Porto, a qual se realizou no auditório da faculdade.

Entra assim numa fase final o trabalho árduo e longo, que só foi possível realizar com muita dedicação, empenho e vontade por parte de todos os membros da TEUP.

As gravações começaram na 6ª feira, à noite, num clima de amizade e ansiedade, ainda mais sendo este o encontro almejado há já vários anos. O frio apertava mas logo se começou a gravar a nova versão do "Engenharia", que dado os frutuosos ensaios se efectuou em menos tempo do que o esperado, permitindo começar também as gravações do novo instrumental – "Czardas". No fim desta sessão houve ainda tempo para um animado convívio, num tasco perto de nós.

No sábado e domingo, as gravações começaram de manhã com os solistas, sendo a parte da tarde ocupada com mais gravações para as "Czardas" e "Engenharia", o que se prolongou até à noite.

Apesar do esforço e concentração necessários na gravação e de algum stress à mistura, as gravações decorreram a bom ritmo. Por vezes soava "aquela nota a mais" ou algum som mais estranho ou mesmo um estalar de dedos, mas nada que uma outra gravação desde o início não resolvesse. Reinou um ambiente de salutar convívio e descontracção, patentes, por exemplo, nas horas passadas a jogar "Risco", a cantar músicas ou a ver fotografias de viagens passadas. Houve ainda oportunidade de atribuir novos nomes a alguns aprendizes, os quais irão agradecer essas dádivas nos anos futuros.

No final o saldo só podia ser positivo. Apesar do cansaço e das horas intermináveis no "estúdio", o esforço valeu a pena e os objectivos foram cumpridos. Resta agora a mistura e produção do CD, que se deseja tão breve quanto possível, para que dentro em pouco ecoem em todos os leitores, telefonias e equipamentos diversos os sons e emoções que esta tuna tem vindo e, certamente continuará, a solfejar.